Notícias

Ateliê Editorial estará presente na segunda edição de A Feira do Livro realizada na praça Charles Miller – de 7 a 11 de junho

A Ateliê Editorial estará presente na segunda edição de A Feira do Livro realizada na praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu, tendo o seu catálogo com desconto. Neste ano, de 7 a 11 de junho, mais de sessenta autoras e autores, 144 expositores e novas atrações vão oferecer ao público paulistano uma programação democrática e de alto nível, que espelha o bom momento das editoras e livrarias brasileiras.

Realizada pela Associação Quatro Cinco Um, organização sem fins lucrativos voltada à defesa do livro no Brasil, e pela Maré Produções, especializada em feiras e mostras de arte, A Feira do Livro leva para a praça pública o melhor da produção editorial do país, em especial das editoras e livrarias independentes. Informações e programação (clique aqui).

A FEIRA DO LIVRO

Depois de uma primeira edição em 2022 realizada em verdadeiro esquema de mutirão — em plena reabertura cultural pós-vacina, sem marcas patrocinadoras e viabilizada com a mobilização de editores, livreiros, escritores e parceiros —, A Feira do Livro chega a 2023 mais estruturada, com financiamento via Lei de Incentivo à Cultura, patrocinadores  e parcerias mais robustas, e consolida o formato de rua, sem cobrança de entrada, como modelo para eventos de livros no país.

Nas 94 tendas e 23 bancadas que abrigam os 144 expositores (13% a mais que os 127 de 2022), os leitores terão a oportunidade de conhecer as novidades literárias para todas as idades, além de ter encontros marcantes com seus escritores preferidos (os convidados são cerca de 20% a mais do que no ano passado) nos dois palcos e fruir a arquitetura convidativa da Feira, montada diante de um dos mais importantes edifícios do patrimônio cultural brasileiro: o Estádio do Pacaembu. A concepção e a direção geral são do editor Paulo Werneck, da Associação Quatro Cinco Um, e do arquiteto Álvaro Razuk, da Maré Produções.

Entre as novidades desta edição está a ampliação da participação das livrarias — das grandes redes às independentes, que incluem até mesmo um sebo recém-inaugurado — e a chegada de importantes editoras de São Paulo e de fora da cidade, que estiveram ausentes da primeira edição da Feira. 

Na programação de autores, além do aumento no número de convidados, as novidades incluem os Interlúdios Musicais – conversas regadas a canções — e a transmissão, direto da praça, de um programa de rádio sobre livros, e um episódio especial ao vivo de um podcast. Mais autores internacionais confirmaram presença neste ano: vêm para a Feira do Livro dois autores dos Estados Unidos, dois da França, um de Portugal, uma da Itália e um da Suíça, além de um britânico residente no Brasil. A edição 2023 também apresenta mais atividades de mediação de leitura, oficinas e programação para crianças, além de opções mais diversificadas de alimentação.

O conceito geral permanece o mesmo: uma feira aberta, que valoriza o livro e o contato entre editores, autores e leitores, e propõe uma ocupação alternativa do espaço público paulistano, tirando os automóveis da rua por cinco dias para dar lugar a livros. 

ATELIÊ EDITORIAL

A história da Ateliê Editorial começa em 1995, com a publicação de O Mistério do Leão Rampante, de Rodrigo Lacerda. O objetivo da editora era – e ainda é – discutir a importância do livro como objeto que, para além de belo, seja um projeto estético que possa servir da melhor maneira às palavras do autor. Por isso, todos os detalhes são levados em conta: o melhor papel, um projeto gráfico agradável, tipo de letra adequado a cada título, belas ilustrações, imagens tratadas com delicadeza, textos preparados e revisados com atenção.

O nome escolhido, Ateliê Editorial, reflete o cuidado e o capricho com que a casa realiza suas edições. O trabalho é artesanal, feito como em um ateliê de arte, priorizando o conceito do livro como um suporte material digno da boa literatura. Por isso, as publicações da Ateliê são realizadas com esmero. Elas primam pela atenção ao conteúdo, à forma e à expressão.

Todos os projetos são realizados como se fossem únicos, para garantir a qualidade das edições e para manter a identidade da editora, criada sob a filosofia de celebrar o livro como um objeto de desejo e admiração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *