Notícias

Live “Conexões em um Território em Guerra” sobre o livro ‘Isolados em um Território em Guerra na América do Sul’, de Koichi Kishimoto

O canal no Youtube Yan Ban Boo realizou a live intitulada “Conexões em um Território em Guerra” sobre o livro Isolados em um Território em Guerra na América do Sul, de Koichi Kishimoto, publicado pela Ateliê Editorial. O encontro virtual contou com a mediação de Laís Miwa Higa e participação de Oscar Nakasato, Andreone Medrado e Ivo Lopes Yonamine. Assista a live abaixo:

Laís Miwa Higa – Mestre e doutoranda em Antropologia Social (PPGAS-USP). Pesquisadora do NUMAS (Núcleo de Estudos de Marcadores Sociais da Diferença – USP) e do Núcleo de Etnohistória (USP). Palestrante, consultora e facilitadora de cursos, workshops e rodas de conversa sobre marcadores sociais da diferença, imigração e diáspora, relações raciais, feminismo, gênero e sexualidade na perspectiva de Estudos Asiáticos e Estudos Ruuchuanos/Okinawanos.

Oscar Nakasato – Mestre em Teoria da Literatura e Literatura Comparada e doutor em Literatura Brasileira pela Universidade Estadual Paulista. Atua como professor de Comunicação Linguística na Universidade Tecnológica Federal do Paraná. É autor dos romances “Nihonjin” (Benvirá, 2011) e “Dois” (Tordesilhas, 2017). Sua obra “Nihonjin” foi vencedora do 1º Prêmio Benvirá de Literatura, em 2010, e da 54ª edição do Prêmio Jabuti, na categoria romance, em 2012.

Andreone Medrado – Doutorande em Psicologia pela USP. É uma das pessoas fundadoras do Coletivo Negro, Escuta Preta, no Instituto de Psicologia na USP e atualmente compõe a Coordenação Executiva do Núcleo de Consciência Negra na USP, no cargo de Secretárie Geral. Em 2017 criou o Blog Devaneios Filosóficos (https://devaneiosfilosoficos.com/).

Ivo Lopes Yonamine – Bacharel em Direito e em Letras (Português e Linguística), pela Universidade de São Paulo (USP). Professor de Língua Portuguesa para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD). Tradutor e revisor.

A OBRA

solados em um Território em Guerra na América do Sul é uma leitura importante de vozes que foram silenciadas e aprisionadas durante um período terrível da história do século XX. A obra consolida o primordial texto narrativo de Kishimoto, cujos relatos trazem para o público protagonistas e memórias profundas nipo-brasileiras.

O AUTOR

Koichi Kishimoto nasceu em 1898 na cidade de Shibata, província de Nigata, Japão. Chegou ao Brasil no dia 13 de setembro de 1922, com a esposa e uma filha, radicando-se no noroeste do estado de São Paulo, nas proximidades de Promissão. De agricultor, passou a lecionar japonês. Foi para a capital para estudar português. Candidatou-se a uma vaga de professor da escola primária, sendo aprovado. Em 1931, inaugurou o Gyosei Gakuen (Liceu Aurora), que tinha licença para funcionar como escola regular. Naturalizou-se brasileiro. Lançou a revista Koya, em japonês. Além do livro Nambei no senya ni koritsu shite (Isolados em um Território em Guerra na América do Sul), publicou outros 9 livros em japonês, tendo como tema o Japão ou viagens pelo Brasil e América do Sul. Recebeu comendas de Honra ao Mérito do governo japonês, do Instituto Histórico e Geográfico e da Sociedade Geográfica Brasileira. Após seu falecimento em 1977, foi homenageado com o nome de uma rua na Vila Morais, homologado pela Prefeitura do município de São Paulo. No Japão, houve a publicação de um livro sobre sua vida e da versão atualizada do Nambei no senya ni koritsu shite.

Koichi Kishimoto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *