Notícias

NO CATÁLOGO DA ATELIÊ EDITORIAL: ‘A Casa dos Seis Tostões’, de Paul Collins, é um romance que destaca o amor pelos livros

Paul Collins e sua família abandonaram as colinas de San Francisco para se mudarem para o interior do País de Gales – para se mudarem, na verdade, para a vila de Hay-on-Wye, a “Cidade dos Livros”, que ostenta mil e quinhentos habitantes e quarenta livrarias. Convidando os leitores a entrarem em um santuário para os amantes dos livros, A Casa dos Seis Tostões é uma meditação sincera e muitas vezes hilária sobre o que os livros significam para nós.

A obra foi reconhecida e celebrada por diversos jornais americanos. A Entertainment Weekly destacou: “Ler sobre essa lânguida estadia em Hay é tão agradável quanto visitar uma de suas livrarias, porque Collins – colaborador da McSweeney’s e bibliófilo versado em leituras estranhas – oferece, para cada ocasião, um divertido excerto tirado de algum velho volume esquecido”. O Washington Post apontou: “Divertido, informativo […] e repleto de referências interessantes”. Já o San Francisco Chronicle comentou sobre a importância da obra para os amantes de livros: ““O coração real e envolvente da história é o amor de Collins pelos livros e outras pessoas que também os amam […] Collins divaga sobre livros antigos da mesma forma que o resto de nós se lembra de amores perdidos”.

Paul Collins é escritor americano, editor e catedrático em inglês na Portland State University, em Portland, Oregon. Ele é mais conhecido por seu trabalho com McSweeney e The Believer, como editor da impressão da Collins Library para McSweeney’s Books e por suas aparições na edição do fim de semana da National Public Radio, com Scott Simon. Seus próprios livros lidam principalmente com extravagantes figuras esquecidas da história.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *